Yin e Yang do Rim (Shen)

A teoria do Yin/Yang é um enquadramento conceitual usado para observar e analisar o mundo material na China ancestral. A teoria permeia todos os aspectos da Medicina Tradicional Chinesa. Ela serve para explicar a estrutura orgânica, funções fisiológicas e alterações patológicas do corpo humano, e guia o diagnóstico clínico, tratamento e prevenção.

De acordo com a teoria do Yin e Yang em relação às estruturas orgânicas do corpo humano, a forma física pertence ao Yin, enquanto atividades ou funções pertencem ao Yang. As formas físicas são a base material para as funções, enquanto as funções são a força motriz para a forma física. Elas são mutuamente complementares. A MTC vê o Rim (Shen) como o centro do corpo Yin e Yang, a “fundação congênita”, ou a origem da vida. Em outras palavras, o Rim (Shen) guarda o Yin primordial e o Yang primordial (também chamados de Yin e Yang do Rim (Shen).

O Yin do Rim (Shen), também chamado de Yin Primordial ou Yin Verdadeiro é o fundamento dos fluidos de todo o corpo, ele umidifica e nutre os órgãos e tecidos.

O Yang do Rim (Shen), também chamado de Yang Primordial ou Yang Verdadeiro, é o fundamento do Yang Qi de todo o corpo, ele aquece e promove as funções dos órgãos e tecidos.

O Yin do Rim (Shen) provê energia para as funções fisiológicas enquanto o Yang do Rim provê armazenamento para o Yin do Rim (Shen). O Yin e Yang do Rim são mutuamente dependentes promovendo e restringindo um ao outro, conduzindo a uma harmonia interna do Yin e Yang e do funcionamento saudável dos órgãos. É a interação dinâmica entre os dois que mantém a atividade normal da vida. O terceiro capítulo do Suwen (Questões Básicas) confirma dizendo :**“Quando o Yin está estabilizado e o Yangestá bem conservado, o espírito estará em harmonia; a separação do Yin e Yang causará exaustão da Essência e Qi”, confirmando a interrelação existente entre Yin e Yang.

Quando o desequilíbrio ocorre

Quando o equilíbrio do Rim (Shen) Yin e do Rim (Shen) Yang é interrompido, mudanças patológicas tomam lugar e surgem enfermidades.

Na Deficiência do Yin do Rim (Shen) apresentam-se: dor e fraqueza da região lombar e joelhos, tonturas, zumbido nos ouvidos, problemas de audição, boca e garganta seca, sensação de calor nas palmas das mãos, solas dos pés e peito, sudorese espontânea, constipação e emissão seminal. O pulso é fraco ou fino e rápido; a língua é vermelha e coberta com uma fina camada de saburra. A Deficiência de Yin do Rim produz sinais de Calor Vazio.

Na deficiência do Yang do Rim (Shen) incluem: dor ou sensação de frio nos joelhos e região lombar, aversão ao frio, extremidades frias, fadiga mental, dificuldade em urinar, enurese, incontinência, perda de libido ou impotência em casos severos; esterilidade feminina e edemas gerais podem ocorrer. O pulso é fino ou fino e profundo; a língua apresenta-se edemaciada, úmida, e coberta com saburra branca. A Deficiência de Yangdo Rim (Shen) produz sinais de frio interno.

Por serem interdependentes entre si, Yin e Yang se influenciam mutuamente. Por isso, se o Yin do Rim (Shen) sofre danos, a longo prazo oYang do Rim (Shen) será afetado, o que resultará em esgotamento do Yin e do Yang. Durante o tratamento de rotina, quando tonificamos o Yin, também estamos dando suporte ao Yang, e vice versa. De acordo com a diagnose clínica, Yin e Yang são revigorados em diferentes graus. Na dinastia Ming (1368-1644), um médico notável, Zhang Jiebin (1563-1640) percebeu que “O corpo inclina-se à deficiência em lugar do excesso. É necessário aquecer o Rim (Shen) e tonificar o Yin e o Yang do Rim (Shen) de tempos em tempos, e utilizar ervas frias e potentes com cautela. Portanto o Rim (Shen), que é o alicerce de todos os órgãos, pode ser consolidado.” Ele também di que “tonificando o Yin, o Yang estará protegido, não suprimido, e vice versa.” Esse conceito é geralmente aceito até hoje, e muitas de suas fórmulas relacionadas à tonificação do Rim (Shen) continuam populares.

Sobre a Deficiência do Qi e do Yang do Rim (Shen)

A Deficiência do Yang do Rim (Shen) e a Deficiência do Qi do Rim (Shen) representam diferentes estágios de um processo. Deficiência do Yang do Rim (Shen) e Deficiência de Qi do Rim (Shen) apresentam similaridades, mas ainda podem ser diferenciadas clinicamente. As manifestações da Deficiência de Yang do Rim (Shen) seguem as regras de Vazio de Yang com Frio Interno; portanto usualmente apresenta sintomas de Frio, como frio e dor na região lombar e frio nas extremidades. Quando o Rim (Shen) não exerce sua função de armazenamento por uma deficiência de Qi do Rim (Shen), podem aparecer sintomas associados, como aumento na frequência na urina, grandes quantidades de urina clara, incontinência, enurese, emissão seminal, aborto ou aborto espontâneo.

A Deficiência do Yang do Rim (Shen) e a Deficiência de Qi do Rim (Shen) representam diferentes estados de um mesmo processo. O manejo inadequado da Deficiência do Qi do Rim leva a uma Deficiência do Yang do Rim. Em contraste, a gestão adequada da Deficiência do Yang do Rim leva a sintomas menos graves da Deficiência do Qi do Rim (Shen) e à recuperação gradual do estado normal.

Sobre o Qi do Rim (Shen) e a Essência do Rim (Shen)

Essência e Qi encaixam-se em diferentes categorias. Em tempos ancestrais, o Qi pertencia ao Yang e era chamado Yang Qi. Portanto o Qi do Rim (Shen) pertence ao Yange representa todas as funções do Rim. Por outro lado, a Essência (Jing), Sangue (Xue), e Fluidos (Jin Ye) são geralmente chamados de Essência Yin Pela Medicina Tradicional Chinesa. A Essência Yin é a base material para as funções fisiológicas do corpo e também para o Rim como um todo. As manifestações de deficiência de Yin do Rim (Shen) segue as regras do Calor Interno por Vazio de Yin, portanto frequentemente apresenta sintomas de calor como boca e garganta seca, sensação de calor nas mãos, solas dos pés e peito. Entretanto a Deficiência da Essência do Rim (Shen) normalmente não apresenta sintomas de calor.

Citando a analogia do Yin e Yang, a Essência do Rim (Shen) é a base material enquanto o Qi do Rim é a força funcional. A Essência do Rim (Shen) e o Qi do Rim (Shen) são complementários e estreitamente relacionados.

Bibliografia: Understanding Kidney Yin and Kidney Yang - Prof. Zou Yanquan (鄒燕勤教授)

loading...
loading...
loading...
Nova App para Android
Get it on Google Play